Séc. XVI

Primeiras evidências escritas da existência da Quinta da Aveleda. Passagem por herança do Morgadio da Quinta das mãos de Gonçalo Meireles Freire, estudante de Leis em Coimbra e Desembargador no Paço, para a sua irmã, D. Catarina de Meireles. O início de um trajeto ao longo de gerações.

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência de navegação e para fins estatísticos. Saber mais